Magnésio Dimalato – Para que Serve, Benefícios e Onde Encontrar

Magnésio - Para que Serve, Beneficios e Onde Encontrar

 

Você sabia que o Magnésio Dimalato participa em mais de 300 reações em nosso organismo? Quando falamos em saúde e bem-estar ele não pode faltar de maneira nenhuma, pois ele é um mineral imprescindível para o bom funcionamento das funções do nosso corpo.

O Magnésio Dimalato fornece vários benefícios à saúde, tanto físicos quanto psicológicos, participa de várias reações celulares, sendo responsável por quase todas as ações que envolvem anabolismo e catabolismo (construção e quebra de complexos orgânicos).

Muitas pessoas não consomem magnésio dimalato o suficiente para desfrutar das vantagens que este oferece, por não saber a importância de manter uma dieta balanceada, e se isso não ser possível, então recorrer a uma adequada suplementação, sempre sob a supervisão medica.

 

Magnésio Dimalato – Compre Aqui!

 

O que é Magnésio (Mg)

O Magnésio (Mg) é um elemento químico de símbolo Mg, um dos elementos mais abundantes na terra, se disse que ocupa o oitavo lugar nela, sendo de grade importância tanto para a vida animal como para os seres humanos, assim também como em diversas ramas da economia. A maior parte do magnésio no organismo encontra-se nos ossos e, desempenha papéis de importância na atividade de muitas coenzimas e, em reações que dependem da ATP. Mas aqui só faremos referencia ao sua importância para a nossa saúde.

Existem diferentes sais de magnésio, entre as mais comuns encontram-se:

Cloreto de magnésio

Usado na desintoxicação e limpeza de toxinas do corpo, sendo metabolizado pelo organismo humano com extrema facilidade. Melhora a digestão e faz com que nosso corpo funcione de maneira mais otimizada e tranquila quando é consumido da maneira correta.

Magnésio citrato

Magnésio quelado

Este pode ter diversas formas.

  • Magnésio Glicina: Uso geral e suplementação
  • Magnésio Glicil Glutamina: Mais usado em praticas esportivas
  • Magnésio Dimalato: Atuação em nível das funções cardíacas. Ajuda na contração e relaxamento muscular, combate a fadiga muscular, melhora no desempenho físico, pois, está ligado à produção de energia, promove o bom funcionamento do cérebro por atuar na transmissão de impulsos nervosos. Ajuda a diminuir a insônia, indiretamente fortalece o sistema imune, fornece 92% do recomendado ao dia de magnésio.
  • Magnésio Treonato: Atua a nível neurológico
LEIA TAMBÉM:  Óleo de Linhaça, seus benefícios e como ele atua no corpo

 

Magnésio Dimalato – Funções

Todos os nossos órgãos precisam do magnésio para alcançar um ótimo funcionamento. Este mineral tem diferentes funções em nosso organismo, que vão desde a manutenção da boa saúde dos tecidos (nervos, músculos e ossos), controlar a função cardíaca (incluindo o ritmo cardíaco), melhorar o tônus muscular, a pressão arterial, o sistema imunológico, intervém no controle dos níveis de glucose (o açúcar no sangue) regulação dos índices de cálcio, até de participar no metabolismo, síntese proteica, produção de energia, crescimento das células e desenvolvimento do DNA/RNA.

Também é descrito o seu importante papel na ajuda no relaxamento e no controle do sono. A sua carência nos humanos pode causar: agitação, anemia, anorexia, ansiedade, mãos e pés gelados, perturbação da pressão sanguínea (tanto com hipertensão como hipotensão), insônia, irritabilidade, náuseas, fraqueza e tremores musculares, nervosismo, desorientação, alucinações, cálculos renais e taquicardia. Essencial para a fixação correta do cálcio no organismo; a deficiência de magnésio pode causar endurecimento das artérias e calcificação das cartilagens, articulações e válvulas cardíacas; sua carência pode causar descalcificação nos ossos (osteoporose).

Hipertensão arterial: O magnésio é considerado um importante regulador da função das células cardíacas, assim como também um potente inibidor da contração do músculo liso vascular e tendo um importante papel na regulação da pressão arterial como um vasodilatador. Por isso, a baixa ingestão de magnésio é considerada um fator de risco potencial para a hipertensão arterial.

Diabetes: participa da modulação do transporte da glicose através das membranas, participando em diferentes ações enzimáticas que influem na oxidação da glicose, podendo a sua deficiência contribuir para resistência à insulina. Descreve-se à sua deficiência como um forte preditor para a aparição de diabetes.

 

Onde encontrar Magnésio Dimalato

È de vital importância manter uma dieta rica em nutrientes, capaz de suprir as necessidades que o nosso organismo precisa para um normal funcionamento, ao menos que você possua um problema médico que dificulta a absorção de magnésio, os alimentos são as melhores formas de obter o mineral. Fazer algumas mudanças em nossa dieta pode ser positivo para uma adequada suplementação nutricional. Existem alguns alimentos ricos em magnésio e que podem ser encontrados no mercado sem a menor dificuldade, entre esses alimentos se destacam: legumes, grãos integrais, nozes e castanhas, (amêndoas e castanha-do-pará) sementes de abóbora e girassol, produtos de soja, tofu, peixes (atum e linguado) verduras com folhas verdes escuras, como espinafre, couve e acelga, bananas, chocolate e pó de cacau, alguns temperos, como sálvia, coentro e cominho.

LEIA TAMBÉM:  Mais energia e disposição com o suplemento energético Toro

Se a dieta for pobre em magnésio, um suplemento diário pode ser a melhor forma de garantir ao organismo todos os benefícios que ele oferece, sendo necessário verificar se o corpo está absorvendo-o, e sempre sob a supervisão de um profissional.

Uma dieta escassa é geralmente a causa mais frequente da deficiência de magnésio, mas existem outras condições que podem interferir na sua absorção entre elas destacam-se:

Algumas condições de saúde como diabetes, alcoolismo, Doença de Crohm, uso de alguns medicamentos que bloqueiam a absorção, excesso ou déficit de cálcio. Alguns autores descrevem também como outra causa a falta de mineral no solo.

 

Dosagem Correta

Geralmente a dose depende de vários fatores, ela varia de acordo com o sexo, idade e outras condições que são avaliados em cada paciente de forma individual, mas segundo revisões bibliográficas, vários autores coincidem com que dose recomendada de magnésio está entre os 400 a 420 mg em homens, e 310-320 mg em mulheres. Mesmo tendo este dado o certo é seguir sempre as recomendações do seu medico.

 

Sinais de deficiência

Se a deficiência de magnésio for leve, geralmente a pessoa não apresenta nenhuma manifestação clinica, mas se o consumo for baixo, podem sim aparecer alguns sintomas como. Náuseas, vômitos, perda do apetite, cansaço, espasmos musculares e cambras.

Já no caso de deficiência, mais severas podem aparecer sintomas como: formigamentos, convulsões, alterações dos batimentos cardíacos, algumas bibliografias também descrevem sintomas como demência, mudanças da personalidade.

Existem estúdios que afirmam que também pode aparecer agitação, anemia, anorexia, ansiedade, mãos e pés gelados, perturbação da pressão sanguínea (hipertensão ou hipotensão), insônia, irritabilidade, náuseas, fraqueza e tremores musculares, nervosismo, desorientação, alucinações, cálculos renais e taquicardia, a deficiência de magnésio pode causar endurecimento das artérias e calcificação das cartilagens, articulações e válvulas cardíacas; sua carência pode causar descalcificação nos ossos (osteoporose). Se você estiver apresentando algum desses sintomas o certo é acudir ao medico o antes possível.

LEIA TAMBÉM:  Cyclo Lev - O que é - Quais são seus benefícios para a TPM

 

Sinais de excesso de magnésio

Pelo geral é muito rara a existência de magnésio em excesso em nosso organismo, mas mesmo assim se você estiver consumindo algum suplemento é importante conhecer alguns dos sintomas mais frequentes causados pela ingestão exagerada do mesmo, também conhecida como intoxicação por magnésio. São descritas como as manifestações mais frequentes, diarreia, náuseas e cólicas abdominais, hipotensão, fraqueza muscular, insuficiência respiratória, boca seca e sede crônica.

Se você estiver consumindo suplemento de magnésio e aparecer alguns de estes sintomas o certo é suspender a administração imediatamente e procurar um especialista.

 

Conclusão

Sendo assim, depois de ter alguma noção da importância e das funções do magnésio para o organismo lembre sempre que, antes de consumir o mineral é ideal conversar com o seu medico essa simples ação é fundamentalmente, se você estiver apresentando algum sintoma de deficiência vai ser ideal para determinar a dose a ser usada e se realmente está precisando.

Lembre-se também que a ingestão excessiva pode causar prejuízo a sua saúde.

Se você for portador de algum problema de saúde e muito importante comunicar ao seu medico, pois existem condições de saúde que podem intervir na absorção.

A idade é um fator muito importante; pois existem estudos que comprovam que pacientes com idade avançadas tem maior dificuldade para a absorção deste mineral e também acontece um aumento da excreção deste, também faz menção a possibilidade de este grupo de paciente consumir algum medicamento que intervém no processo, assim como o consumo de uma dieta pobre em magnésio.

 

Assine as Dicas Exclusivas de Saúde e Bem-Estar

Sobre Dra. Diliagni Tellez Matos 67 Artigos
Especialista em Clinica Geral, com Pós-graduação em Medicina Alternativa, cursos de Acupuntura, Terapia Auricular, Fitofármacos e Tratamentos Alternativos da Medicina Quântica. Membro da Associação Brasileira de Terapeutas Holísticos.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta